Linux Mint 20 será baseado no Ubuntu 20.04 e será em 64bits.

O Linux Mint é um ótimo sistema operacional. É baseado no excelente Ubuntu e possui três ótimas opções interfaces graficas para desktop - Cinnamon, MATE e Xfce. Embora seja uma escolha inteligente para iniciantes em Linux, também é bom para especialistas.

Primeiramente, o Linux Mint 20 será baseado no próximo Ubuntu 20.04. Isso não deve ser uma surpresa, já que o Mint usa apenas versões de suporte a longo prazo do Ubuntu e o 20.04 será uma LTS. Agora também sabemos o nome do Linux Mint 20. A equipe do Mint sempre usa nomes femininos e, dessa vez, escolheu "Ulyana". Aparentemente, esse é um nome russo que significa "jovem".

Até agora, todas as notícias são positivas; então, o que exatamente incomodará alguns usuários? Os desenvolvedores do Linux Mint estão finalmente descartando o suporte de 32 bits e desenvolveram apenas ISOs de 64 bits. Em 2020, essa é definitivamente a decisão certa, mas certamente perturbará aqueles que ainda estão segurando computadores antigos de 32 bits.

A equipe de desenvolvimento também revelou hoje que a área de trabalho do Cinnamon 4.6 vem com um gerenciador de arquivos Nemo muito aprimorado que lida melhor com miniaturas. Assim, deve melhorar drasticamente o desempenho do gerenciador de arquivos sob E/S pesadas e em HDDs lentos.

Foram adicionados mais dois novos esquemas de cores para o tema Mint-Y, a saber, Aqua e Pink, e uma nova ferramenta para compartilhar arquivos criptografados na rede local.

Tema Aqua
Tema Pink

A ferramenta Warpinator utilizada para enviar arquivos pela rede local está quase pronta. Estamos analisando a criptografia de dados agora. Funciona bem, parece legal, mas ainda não temos um nome para ela.

Você está animado para o próximo Linux Mint 20 Ulyana? Você está chateado porque o suporte de 32 bits está sendo descartado? Por favor, diga-me nos comentários abaixo.

You May Also Like